• Neste mês de maio, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia está completando 204 anos! Confira a história dessa Instituição bicentenária!
  • Todas as segundas e quartas-feiras, a Biblioteca promove gratuitamente duas sessões de cinema, com o projeto "Filme na Biblioteca". Confira a programação!
  • Biblioteca é lugar de criança! Confira as oficinas do mês no Setor Infantil e traga a garotada para uma viagem pelo mundo do livro, com muita cultura e diversão!
  • Biblioteca é lugar de criança! Confira as oficinas do mês no Setor Infantil e traga a garotada para uma viagem pelo mundo do livro, com muita cultura e diversão!

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Secretaria de Cultura divulga a programação do Carnaval do Pelourinho

Foto: Divulgação
A diversidade do Carnaval da Cultura estará presente no Largo do Pelourinho e também na riqueza de ritmos e estilos musicais que compõem a programação dos largos Pedro Arcanjo, Tereza Batista e Quincas Berro D’Água, no Centro Histórico. Com shows todos os dias, sempre a partir das 18h, o Carnaval do Pelô conta com uma programação diversa e repleta de estilos musicais. As atrações foram divulgadas pela SecultBA nesta terça-feira (25).
“Esta busca pelo equilíbrio decorre da visão compartilhada pela Secretaria e pela comissão de curadores acerca da relevância da diversidade cultural para uma política cultural ampla e democrática, que contemple os gostos dos mais diversos públicos. Afinal, o carnaval do Pelourinho tem se afirmado como carnaval da diversidade cultural”, afirma o secretário de cultura da Bahia, Albino Rubim.
Entre os destaques da programação para os dias da folia, acontecerá no Largo Pedro Archanjo, sempre às 19h, apresentações de Orquestras populares, que resgatam a nostalgia dos antigos bailes de Carnaval. O Largo Tereza Batista será o palco das batidas afro, trazendo ainda o reggae, o rap e o hip-hop, além do projeto Praça do Frevo. E o Largo Quincas Berro D’Água, historicamente conhecido como uma casa de sambistas, vai honrar sua tradição e receber grandes nomes do samba entre suas atrações.
O palco principal no Largo do Pelourinho conta com uma ampla variedade de ritmos e colaborações entre grandes artistas em shows imperdíveis. Além de destaques como Carlinhos Brown, Márcia Castro, BaianaSystem, Lazzo Matumbi e Mariene de Castro. As novidades sobre o Carnaval podem ser acompanhadas através do site www.cultura.ba.gov.br
Confira a programação completa em : www.cultura.ba.gov.br/2014/02/25/

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Atenção, realizadores! O resultado da seleção do XVI Festival Nacional 5 Minutos Expandido já foi divulgado!

Clique para ampliar

Confira os vídeos selecionados e os documentos necessários para habilitação em: www.dimas.ba.gov.br/5minutos



Funcionamento da Biblioteca durante o Carnaval

Clique para ampliar

Biblioteca recebe a Camerata Quadro Solar

Foto: Divulgação
No próximo dia 07/03, sexta-feira, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia, em parceria com a Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA), recebe a apresentação da camerata Quadro Solar, às 15h, no Foyer da Instituição. O concerto integra a programação do projeto cultural Mulher em Cena 2014 e tem entrada gratuita. 

O grupo "Quadro Solar", formado em 2001, atualmente é formado pela flautista Andréa Bandeira, o violinista Mário Gonçalves e a violoncelista Cândida Lobão, músicos experientes em diferentes trabalhos de câmara e solos, e já se apresentou em projetos como "Porque Hoje é Sábado", " Projeto Tocarte", e no "X Festival de Música Instrumental da Bahia."

A camerata "Quadro Solar" faz parte do "Projeto Cameratas", uma iniciativa da Secretaria de Cultura e Turismo, através da Fundação Cultural e Teatro Castro Alves, que tem como objetivo aproximar o grande público da música erudita, promovendo a formação de platéia.  

O quê: Camerata Quadro Solar
Quando: 07 de março, às 15h
Onde: Foyer da Biblioteca Pública do Estado da Bahia - Barris
Quanto: Gratuito

Dica Cultural: OSBA apresenta "BAILECONCERTO" na abertura do Carnaval da Cultura

Foto: Mauricio Serra / Divulgação
Sob a regência do maestro Carlos Prazeres, curador artístico da OSBA desde 2011, a Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) convida os foliões a entrar no clima dos antigos carnavais, embalados pelas clássicas marchinhas e animados pelos bailes de máscaras. Isto porque o ousado BAILECONCERTO, novo projeto da OSBA, será um dos destaques da festa oficial de abertura do Carnaval nesta quarta-feira (26 de fevereiro), às 17h, no Farol da Barra, com entrada gratuita.

A OSBA tem como curador artístico o maestro 
Carlos Prazeres e é mantida pela Secretaria de Cultura (SECULT-BA), através da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) e do Teatro Castro Alves.

A Sinfônica da Bahia se apresenta no mesmo palco que o bloco afro Olodum, o grupo inglês Stomp e os garotos do Quabales, projeto que atende atualmente cerca de 60 jovens no Nordeste de Amaralina e que foi idealizado por Marivaldo dos Santos, integrante do Stomp. Com um programa que traz marchinhas clássicas de autores como Braguinha (1907-2006), Noel Rosa (1910-1937) e Alberto Ribeiro (1902-1971), além de passear por canções que marcaram época com o surgimento dos primeiros trios elétricos, de autores como Caetano Veloso e Moraes Moreira. Após o carnaval, a OSBA reapresentará o seu BAILECONCERTO em razão do adiamento da edição do projeto Domingo no TCA que seria realizada no domingo passado. A apresentação foi transferida para o dia 30 de março (domingo), às 11h, na Sala Principal do TCA, com a presença do grupo Bailinho de Quinta.

Este ano, a SECULT batizou sua programação de Carnaval da Cultura, iniciativa que garante apoio a centenas de artistas, grupos e entidades carnavalescas que vão desfilar no Carnaval do Pelô, no Ouro Negro e também na Pipoca em todos os circuitos da folia. O Carnaval da Cultura é o carnaval da democracia e da diversidade, que leva para as ruas a mistura de ritmos e gêneros musicais. A participação da OSBA na folia visa justamente promover o diálogo entre o popular e o erudito e se integrar ao circuito cultural soteropolitano num período tão efervescente como é o carnaval na Bahia. Para ter acesso a programação completa, acesse: www.cultura.ba.gov.br/programacao-carnaval-2014

O quê: BaileConcerto da OSBA
Quando: 26 de fevereiro, quinta-feira, 17h
Onde: Farol da Barra
Quanto: Gratuito

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Biblioteca Infantil Monteiro Lobato promove a oficina Aprendendo a Jogar Xadrez

Imagem: Ilustração
Na próxima quarta-feira (26/02), às 15h, a arte educadora Lorena Monteiro irá ministrar a oficina Aprendendo a jogar xadrez! na Biblioteca Infantil Monteiro Lobato (Nazaré). A atividade recreativa tem a proposta de ensinar crianças e jovens a conhecerem as peças e os movimentos do jogo de xadrez.

O quê: Oficina Aprendendo a Jogar Xadrez
Quando: 26 de fevereiro, quarta-feira, às 15h
Onde: Biblioteca Infantil Monteiro Lobato
Quanto: Gratuito
Fonte: www.fpc.ba.gov.br

Museu Carlos Costa Pinto recebe Mostra Fotográfica "Luz Negra" em estréia nacional

Foto: Robério Braga / Divulgação
Até o dia 30 de março, o fotógrafo baiano Robério Braga apresenta, no Museu Carlos Costa Pinto, a exposição Luz Negra, que reúne 20 fotografias em grandes proporções, que envolvem pesquisa sobre ancestralidade, cultura e costumes do Quênia, na África Oriental. 

A mostra é o lançamento nacional desta série do artista e conta com curadoria de Diógenes Moura, um especialista em arte fotográfica no país.

Em preto & branco, as fotografias revelam o cotidiano e aspectos culturais de três tribos quenianas, que também habitam o norte da Tanzânia: Massai, Pokot e Samburu. As imagens foram feitas entre 2011 e 2012, quando o fotógrafo entrou em contato com as tribos e se surpreendeu com seus costumes, crenças, símbolos de resistência e preservação de tradições ancestrais.  

O quê: Exposição Fotográfica "Luz Negra"
Quando: Segunda a sexta das 14h30 às 18h30; sábado das 14h30 às 17h30 (fechado terças e domingos), até dia 30 de março
Onde: Museu Carlos Costa Pinto
Quanto: Gratuito

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: Exposição "Tempo de Carnaval" em cartaz no Shopping Iguatemi

Imagem: Divulgação
Com curadoria de Nelson Verón Cadena, Tempo de Carnaval é composta por 32 painéis temáticos com registros fotográficos inéditos em sua maioria. A mostra apresenta os primeiros blocos carnavalescos, escolas de samba, batucadas e cordões, afoxés e os corsos e pranchas de bonde enfeitadas dos anos 20 e 30, entre outras imagens. Flagrantes de blocos tradicionais, desaparecidos e repaginados, e de grandes estrelas do axé music, nos primórdios de sua carreira também estão presentes.

A exposição está em cartaz na Praça Menininha do Gantois, localizada no terceiro piso do Shopping Iguatemi. A visitação obedece os horários de funcionamento do estabelecimento.

O quê: Exposição "Tempo de Carnaval"
Quando: Todos os dias até 05 de março, a partir das 09h
Onde: Praça Menininha do Gantois, Shopping Iguatemi
Quanto: Gratuito

Dica de Leitura: Maiesse Gramacho e seus Minicontos

Clique para ampliar
A Biblioteca preparou hoje, para os amantes literários, uma obra leve, elegante, feminina e de muito bom gosto. Classificado como um livro de 'minicontos' pela própria autora Maiesse Gramacho, jornalista brasiliense e especialista em Comunicação Organizacional, a Dica de Leitura de hoje é Histórias Mínimas.

Segundo o jornalista e escritor Marcelo Spalding, "Miniconto é um tipo de conto muito pequeno, digamos que com no máximo uma página, ou um parágrafo. Alguns dizem que ele é o primo mais novo do poema em prosa, outros apontam as fábulas chinesas como origem, de certo é que desde meados do século XX o conto tem experimentado – com sucesso – formas extremamente breves a partir de textos de gente como Cortázar, Borges, Kafka, Arreola, Monterroso e Trevisan."

A produção de minicontos tem sido associada ao minimalismo, e embora a teoria literária não o reconheça como um 'gênero literário' propriamente dito, suas diferenças para um "conto pequeno" são evidentes. Mais importante em um miniconto seria "sugerir", e deixar que o leitor "preencha" as lacunas para entender a história por trás da história. E Histórias Mínimas, nas palavras de sua autora, "São histórias mínimas apenas pelo número de palavras. Mas são máximas em seus significados e representações."

Essas e outras obras estão disponíveis no Setor de Empréstimos da Biblioteca, e os interessados podem solicitá-lo no mesmo, que funciona de segunda a sexta-feira das 08h30 às 21h, e aos sábados das 08h30 às 12h, mediante cadastro prévio. Para se cadastrar é simples: basta ter mais de 13 anos e trazer um comprovante de residência e carteira de identidade. A inscrição deve ser feita no próprio setor.

Mais informações: (71) 3117-6021

Histórias Mínimas - Maiesse Gramacho

"Histórias mínimas reúne meus escritos de 2009, ainda que haja um ou outro texto mais antigo e mais recente. Se fosse para definir um gênero, eu diria que são minicontos, na linha dos escritos por Dalton Trevisan, especialmente nos livros 111 Ais e 99 Corruíras Nanicas. Mas a própria teoria literária ainda não classifica os minicontos como um gênero em si.
Então, recorro ao que uma vez Clarice disse a respeito de seus escritos reunidos em A Descoberta do Mundo: "Isto é apenas. Não entra em gênero. Gêneros não me interessam mais".

Desculpem a pretensão de fazer das palavras de Clarice as minhas, mas a ideia é essa: gêneros, rótulos, para quê? São impressões, anotações acerca de situações que vivenciei ou que me contaram, e que por achá-las curiosas, poéticas, singelas, resolvi registrá-las. São histórias mínimas apenas pelo número de palavras. Mas são máximas em seus significados e representações."

FonteBlog da Autora / literaturadigital.com.br

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Edição de fevereiro do Domingo no TCA é adiada

Clique para ampliar
Foi adiada para 30 de março a edição de fevereiro do projeto Domingo no TCA, que aconteceria neste domingo, 23, às 11h, com o Baile-concerto da Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba). A decisão foi motivada por razões de ordem técnica, que anteciparam os serviços de manutenção preventiva da Sala Principal programados para o Carnaval. De acordo com informações do Teatro Castro Alves, o objetivo é garantir a realização de todas as pautas já confirmadas na programação após o Carnaval. Por conta disto, o projeto realizará duas edições durante o mês de março.
Fonte: A TARDE Online

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

A Orquestra Brasileira de São Salvador abre vagas para regente e assistente de regência

Imagem: Ilustração
O projeto Orquestra Brasileira de São Salvador está selecionando um regente e um auxiliar de regência para o Coral da Orla de Camaçari, com ações em 4 escolas públicas da zona rural de Abrantes, Arembepe, Barra do Pojuca e Monte Gordo, de março a dezembro , em regime de prestação de serviços (pessoa jurídica), de acordo com os critérios abaixo: 

Regente: 
-Experiência comprovada de 3 anos de trabalho musical com crianças;
-Interesse e/ou disponibilidade para trabalhar na zona rural de Camaçari;
-Disponibilidade de horários.

Remuneração: R$ 2.200,00 + R$ 220,00 (ajuda de custos)

Responsabilidades:
-Selecionar os alunos que vão participar do coral;
-Realizar 2 ensaios semanais em cada escola;
-Realizar 1 ensaio bimestral do coral com a Orquestra Brasileira de São Salvador;
-Ensaiar o repertório definido em conjunto com a coordenação do projeto;
-Realizar/reger, no mínimo, 3 apresentações musicais do coral;
-Oferecer feedbacks sobre a atividade por meio de relatórios.

Assistente de regência:
-Estudante de música, preferencialmente na área de canto (a partir do 5º semestre);
-Maior de 17 anos;
-Facilidade no trato com crianças;
-Residir em Camaçari.

Remuneração: R$ 550,00 + R$ 200,00 (ajuda de custos)

Responsabilidades:
-Assessorar o regente em todas as atividades do coral;
-Monitorar a frequência dos alunos.

Interessados devem enviar currículo para regenteobss@gmail.com, até 25 de fevereiro. 

Último fim de semana do projeto LÁLÁ de Verão

Clique para ampliar
A parceria do projeto "LÁLÁ de Verão" coordenado por Luiz Ricardo Dantas com o Atelier Coletivo VISIO. realiza nesse final de semana sua ultima edição. Sob curadoria de May HD, o projeto reuniu artistas visuais durante os finais de semana de fevereiro para produzir e comercializar a preços acessíveis desenhos, pinturas, gravuras, toyart, etc.

Quando: 22 e 23 de fevereiro, das 16 às 21h
Onde: Espaço Multicultural LÁLÁ
Quanto: Gratuito
Fonte: http://migre.me/hKcFE

Dica Cultural: Grupo NATA realiza ensaios abertos no TCA

Foto: Divulgação
O grupo NATA - Núcleo Afrobrasileiro de Teatro de Alagoinhas - vencedor da edição 2013 do Edital TCA.NÚCLEO, realiza em fevereiro os primeiros ensaios abertos da peça "Exú, a Boca do Universo", montagem inédita com estreia prevista para o mês de março. 

O NATA tem promovido uma intensa ocupação artística no TCA, iniciada no dia 31 de outubro de 2013, com o projeto Exu Sile Oná, vencedor do TCA.NÚCLEO 2013. Os ensaios abertos acontecem nos dias 22 e 23 de fevereiro (sábado e domingo), às 16h, no Vão Livre do TCA.

Além deste espetáculo inédito que está por vir, a empreitada do NATA no TCA tem contemplado uma série de oficinas, workshops, seminários, mostra de filmes, ensaios abertos, saraus, intercâmbios, além de apresentações artísticas do próprio NATA e da Companhia do Miolo (SP), grupo convidado para o intercâmbio artístico previsto no Edital de ocupação deste complexo cultural. O Edital TCA.NÚCLEO é uma realização do Teatro Castro Alves, através da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB) e da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SECULT-BA).

O quê: Ensaios abertos da peça "Exú, a Boca do Universo"
Quando: 22 e 23 de fevereiro, às 16h
Onde: Vão Livre do Teatro Castro Alves
Quanto: Gratuito

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Espaço Xisto Bahia recebe a exposição "FLUXO"

Foto: Divulgação
Composta por 11 fotografias, a exposição 'FLUXO', da fotógrafa Agnes Cajaiba, retrata atores transformistas que vivem e trabalham na capital baiana. O cenário proposto para a realização dos retratos é a própria casa de cada personagem, onde estão presentes todos os objetos e símbolos extracorporais que também falam dessas pessoas.

A exposição ficará em cartaz todos os dias, das 09h às 21h, até 24 de fevereiro, segunda-feira, com entrada gratuita. 

O quê: Exposição "FLUXO"
Quando: Todos os dias, até 24 de fevereiro, das 09h às 21h
Onde: Espaço Xisto Bahia
Quanto: Gratuito
Fonte: www.ibahia.com/agenda

Dica Cultural: Biblioteca Thales de Azevedo promove Oficina Literária

Foto: Divulgação
Diferentes brincadeiras com a proposta de estimular o lado artístico de crianças e jovens. Essa é a atividade que o educador Rui Oliveira Coelho irá ministrar na Biblioteca Pública Thales de Azevedo (Costa Azul), na próxima sexta-feira (21), às 15h, a oficina literária Contando Histórias

A oficina envolverá música e contação de histórias. E ele também fará atividades recreativas como pintura facial, bola de sabão, teatro de fantoches e túnel minhocão.


O quê: Oficina Literária "Contando Histórias"
Quando: 21 de fevereiro, sexta-feira, às 15h
Onde: Biblioteca Thales de Azevedo
Quanto: Gratuito

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Sudecult seleciona estudantes de Design Gráfico para estágio

Clique para ampliar



Centro de Memória da Bahia abre chamada para publicação de trabalhos acadêmicos

Imagem Ilustração
O Centro de Memória da Bahia, vinculado à Fundação Pedro Calmon/SecultBA abre convocação para chamada de trabalhos acadêmicos referentes à Ditadura Militar na Bahia para serem apresentados no evento Ditadura Militar – Direito a Memória, que será realizado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia em parceria com a Secretaria de Educação do Estado da Bahia, entre os dias 02 e 04 de abril.

Os interessados deverão encaminhar resumo expandido até o dia 10 de março de 2014, conforme as normas informadas abaixo, exclusivamente para o e-mail cmb.fpc@fpc.ba.gov.br. Os trabalhos serão apresentados no dia 04 de abril de 2014.

Normas - O resumo expandido deve conter entre 20 a 25 linhas, em Times New Roman, margens 2,0, espaçamento entre linhas 1,5. O nome do(a) autor(a) deve seguir imediatamente o título, e deve conter uma nota informando o maior título acadêmico obtido e em qual instituição. O endereço eletrônico do currículo lattes e um telefone para contato também devem ser fornecidos.

Dica Cultural: Galeria Jayme Fygura recebe a Exposição 'Insólito'

Foto: Divulgação
A palavra Insólito, título da exposição do artista plástico Samuca Santos, significa o que não se apresenta de maneira habitual; que é raro ou incomum; anormal: problema insólito. Que se opõe à utilização das normas; que não se adequa às regras ou à tradição: modo de vida insólito. (Etm. do latim: insolitus.a.um). 

Em cartaz na Galeria Jayme Fygura, do Teatro Gamboa Nova, durante o meses de fevereiro e março, o artista-grafiteiro utiliza em seus trabalhos dois elementos que considera de relevante valor plástico, as figuras humanas mascaradas e as árvores secas. Com estes elementos, convoca o público a fazer uma reflexão acerca das questões pertinentes à sociedade contemporânea, onde somos obrigados a vestirmo-nos com as nossas máscaras diariamente e montamos um ator imaginário, ocultando nossas reais identidades. As árvores secas também possuem grande importância nas pesquisas plástico-visuais do artista, pois surgem como elemento subjetivo para refletir e ilustrar a solidão e as fragilidades humanas.

Para este projeto pretende-se apresentar obras com base nas produções recentes nas técnicas de pintura em tela, graffiti, gravuras, desenhos e cerâmica. As figuras representadas buscam levar o público a se questionar sobre as limitações do mundo material e fragilidade do homem na contemporaneidade, portais, corpos parcialmente submersos e árvores secas se mesclam na construção de uma paisagem simbólica. 
O titulo da mostra também faz jus ao formato que esta terá, fugindo dos padrões convencionais de exposição de arte.

O quê: Exposição 'Insólito'
Quando: 05 de fevereiro a 30 de março, 16h às 20h (quartas à sábados) e 14h às 18h (domingos)
Onde: Galeria Jayme Fygura do Teatro Gamboa Nova
Quanto: Gratuito
Mais informações: samucasantoss.blogspot / (71) 3329 2418 /  9196-8315 (Samuca)

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Últimos dias de inscrições para o Edital Abril o Corpo 2014

Clique para ampliar
Abril o Corpo é o mês temático da dança no Teatro Gamboa Nova (Salvador-BA), que em sua sétima edição contará com o patrocínio da Funarte e ações voltadas a grupos e artistas do Nordeste e Bahia, com remuneração aos participantes. As inscrições estão abertas desde o dia 06/02 e se encerram no próximo dia 20/02. 

O projeto, idealizado e realizado pelo Teatro Gamboa Nova, tem como objetivos promover, difundir e discutir a dança através de uma programação que engloba apresentações, oficinas, bate-papos e exposições artísticas. Em 6 edições já realizadas, o projeto contemplou espetáculos contemporâneos, realizados dentro da pequena estrutura do teatro e também em outros locais abertos da cidade, unindo importantes artistas locais na busca por diálogos entre linguagens (performance, música, vídeo, artes plásticas).


O Abril o Corpo 2014 dá um passo a frente em sua 7ª Edição, que acontece de 02 a 30 de abril de 2014, ampliando sua programação para grupos e artistas de todo o Nordeste por meio de seleção via edital, com o patrocínio da Funarte. A proposta é trazer ao público baiano, atrações que possibilitem outros olhares artísticos e que garantam aos envolvidos um espaço de visibilidade e intercâmbio cultural tornando o público participante de um espaço de formação e difusão artística e também democratizando o acesso à arte.


O quê: Inscrições para o Edital Abril o Corpo 2014

Quando: 06 a 20 de fevereiro
Onde: Site do Teatro Gamboa Nova (teatrogamboanova.com.br/abrilocorpo2014)
Quanto: Gratuito
Mais Informações: teatrogamboanova.com.br
Fonte: teatrogamboanova.com.br

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: Cameratas da OSBA realizam apresentações gratuitas

Clique para ampliar
Novas apresentações das cameratas da Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) levam a música de concerto a espaços alternativos de Salvador com entrada gratuita reunindo plateias diversificadas.

Na terça (18), às 17h, a Camerata Quarteto Novo se apresenta no projeto Música na Igreja, na Igreja Santo Antônio da Barra.

Também no dia 18, às 18h, o público acompanha no MAB (Corredor da Vitória) a Camerata Quadro Solar, em espetáculo promovido pelo Museu de Artes da Bahia e o Palacete das Artes. Criado em 2001, é formada pelos músicos Andréa Bandeira (flauta), Mário Gonçalves (violino) e Cândida Lobão (violoncelo). O projeto é uma iniciativa da Secretaria de Cultura e Turismo, através da Fundação Cultural e Teatro Castro Alves, e tem como objetivo aproximar o grande público da música erudita, promovendo a formação de plateia. Além de Mozart, G. Rossini, C. Bach, L. Boccherini e G. Gershwin fazem parte do repertório do grupo.

Na quarta (19), às 15h, a Camerata Bahia Cordas se apresenta no Palacete das Artes. Composta por quatro violinos, uma viola, um violoncelo e um contrabaixo, a equipe, desde 2007, traz em seu repertório da música barroca (Bach, Vivaldi, Pachelbel, Corelli), sacra e popular, a composições dos próprios integrantes da camerata. Em sua trajetória tem levado a música de concerto para escolas, entidades filantrópicas, igrejas, centros espíritas e hospitais. Seus músicos são: violinos: Rogério Fernandes, Raul Bermudez, Uibitu Smetak; viola: Marcos Antonio Maciel, violoncelo: Maurício Kowalski e contrabaixo: Orley Francisco de Souza.

O quê: Cameratas da Orquestra Sinfônica da Bahia
Quando: 18 de fevereiro, às 17h e 18h, e 19 de fevereiro, às 15h
Onde: Igreja Santo Antônio da Barra, (18/02, 17h), Museu de Arte da Bahia (18/02, 18h) e Palacete da Artes (19/02, 15h)
Quanto: Gratuito

Dica de Leitura: Jackdaws - Agentes Especiais

Clique para ampliar
A Dica de Leitura de hoje traz o britânico Ken Follett, leitor  e frequentador assíduo de bibliotecas públicas desde criança, autor de mais de vinte obras campeãs de vendas e frequentemente aclamado como  um contador de histórias nato.

“Eu não tinha muitos livros e sempre fui grato pela existência da biblioteca pública. Se não pudesse ler de graça, eu não teria me tornado um leitor voraz e, se você não é um leitor, não pode ser escritor.” Ken Follett. 

O livro indicado é "Jackdaws - Agentes Especiais", que se passa durante a Segunda Guerra Mundial, e conta  a história de Felicity "Flick" Clariet, agente sênior da segunda unidade do exército britânico, que, após ver todas as suas tentativas de coibir a inteligencia secreta alemã, cria o grupo apelidado "Jackdaws", formado por seis agentes especiais, em sua maioria mulheres, exclusivamente não-profissionais, a ser comandado por ela, e cuja missão será infiltrar-se e cortar as comunicações do centro nazista.

Este e outros livros estão disponíveis no Setor de Empréstimos da Biblioteca Pública do Estado da Bahia. Os interessados podem solicitá-lo durante o horário de funcionamento, de segunda a sexta das 8h30 às 21h, e aos sábados das 8h30 às 12h, mediante cadastro prévio, feito no setor. Para o cadastro é preciso ter mais de 13 anos e apresentar documento de identidade e comprovante de residência atualizado. Mais informações: (71) 3117-6021. 

Jackdaws: Agentes Especiais - Ken Follett 

Retornando à Segunda Guerra Mundial, cenário de seus romances mais célebres, Ken Follett compõe neste livro um thriller excitante e cinematográfico. A história de desenvolve em torno de um grupo feminino de agentes britânicos que atendem pelo codinome de Jackdaws, e cuja difícil missão é explodir uma importante central telefônica na França às vésperas do Dia D. Lideradas pela renomada agente secreta Felicity ´Flick´ Clairet, essas mulheres exercerão um papel decisivo na vitória dos aliados.

Fontes: Site oficial Ken Follett - http://migre.me/hNN2M 

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: Oficinas de Máscaras de Carnaval

Imagem ilustração
Com a chegada do carnaval, espaços públicos de Salvador promovem oficinas infantis para a garotada entrar no clima dos festejos.

Nos dias 14 e 15 de fevereiro, o Museu Carlos Costa Pinto realizará a 6ª edição da Oficina de Férias com o tema Máscaras de Carnaval. Voltadas para crianças de 5 a 10 anos, acompanhadas pelo responsável, as oficinas acontecerão no pátio externo do Museu, das 15h30 às 16h30, e serão ministradas pela artista plástica e arte-educadora Liege Galvão.

A atividade é gratuita e as inscrições devem ser feitas no Setor Educativo do Museu, de segunda a sexta, das 14h30 às 18h. Qualquer dúvida, os interessados podem entrar em contato com o setor através do telefone 3336-6081, ramal 5. As vagas são limitadas.

A Oficina 'Máscaras de Carnaval' é uma atividade lúdica que incentivará as crianças ao encontro com diversas máscaras que fizeram parte dos antigos bailes de carnaval e festas populares. Esta oficina de arte tenta resgatar um dos acessórios muito usados nos carnavais do passado, abusando das cores.

Biblioteca Juracy Magalhães Júnior (Rio Vermelho) não podia ficar de fora e promove no dia 18 de fevereiro uma oficina especial para a criançada com o tema: Tarde dos Mascarados com Marchinhas Carnavalescas, na qual as crianças também confeccionarão máscaras de carnaval, ministrada pela educadora Geise Machado. A oficina é gratuita e se iniciará às 14h. 

O quê: Oficina de Férias - 'Máscaras de Carnaval'
Quando: 14 e 15 de fevereiro, das 15h30 às 16h30 e 18 de fevereiro às 14h.
Onde: Museu Carlos Costa Pinto (14 e 15/02) e Biblioteca Juracy Magalhães Júnior (18/02)
Quanto: Gratuito 

Sala Walter da Silveira recebe a 'Mostra Cinema de Santo'

Imagem divulgação.
O evento, que esteve entre os dias 07 e 13 de fevereiro em Cachoeira, chega hoje a Salvador, com programas compostos por um filme de longa-metragem acompanhados por um curta ou média-metragem, até o dia 19 de fevereiro.

A Mostra Cinema de Santo, realizada pela Funceb/ Secretaria de Cultura da Bahia, com o apoio da DIMAS e da União Nacional dos Estudantes, vai exibir 40 filmes de longa, média e curta metragem, em Cachoeira (Auditório da UFRB) e em Salvador (Biblioteca dos Barris, Sala Walter da Silveira), entre os dias 07 e 19 de fevereiro de 2014. Cinema de Santo é uma mostra de filmes brasileiros dedicada a manifestação religiosa, em particular às religões de influência africana. O projeto gratuito contempla uma mostra retrospectiva de filmes, mesas de discussão, exposição de cartazes dos filmes em exibição e catálogo do evento.

Os filmes selecionados para Mostra Cinema de Santo misturam etnia, discurso político, magia, feitiço, religião, nacionalismo. No país católico surgiu um país de sincretismo religioso, no país das igrejas uma nação de terreiros. O Cinema de Santo traça um painel a partir do qual se pode lançar novos olhares, com alcance diversificado sobre aspectos históricos, das disputas sobre religião e etnicidade que se configuraram no Brasil.

Confira a programação a programação de abertura, na Biblioteca Pública do Estado da Bahia: 

19h CURTAS: DO DIA EM QUE MACUNÁIMA E GILBERTO FREYRE VISITARAM O TERREIRO DA TIA CIATA MUDANDO O RUMO DA NOSSA HISTÓRIA, de Sérgio Zeigler e Vítor Ângelo + BODAS DE ARUANDA, de Chico Sales + MANIFESTO MAKUMBACYBER, de Beto Brant + IEMANJÁ DO RIO VERMELHO, de Pablo Pablo.

20h30 CINEMA EXPANDIDO com live  performance de Fernando Rabelo + Edgar Abreu + Pablo Pablo  & apresentação do BANDO CUMATÊ.

O quê: Mostra Cinema de Santo
Quando: 14 a 19 de fevereiro
Onde: Sala Walter da Silveira, Biblioteca Pública do Estado da Bahia
Quanto: Gratuito
Mais informações e programação completa: cinemadesanto.blog

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Grupo Samba Quem Bossa se apresenta hoje no Quadrilátero da Biblioteca



Pra quem gosta de samba, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia recebe o grupo Samba Quem Bossa hoje, 13/02, às 18h30, no Quadrilátero da Instituição, com entrada gratuita.

Passear pelo Recôncavo Baiano, berço do samba, pelas vilas paulistanas e morros cariocas. Esta mistura de "visitas" traduz o som do Samba Quem Bossa. O sexteto resgata a grandeza e a pluralidade do mais brasileiro dos ritmos, ao mesmo tempo em que desenvolve um estilo próprio, resultado de suas singularidades, que vão se mesclando e conferindo ao trabalho uma forma única de interpretar cada canção.

O quê: Show do grupo Samba Quem Bossa
Quando: Dia 13 de fevereiro, hoje, às 18h30
Onde: Quadrilátero da Biblioteca Pública do Estado da Bahia - Térreo
Quanto: Gratuito

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: Exibição do filme "Inteferéncies"

Clique para ampliar
Cecilia, Ana Maria e Rodrigo formam uma jovem companhia teatral de recente êxito por sua descarada e transgressora atuação e pelo compromisso social e politico dos conteúdos que apresentam. Preparam sua próxima estréia, uma obra de denúncia sobre como a sociedade de consumo aceita o inaceitável. Uma sociedade que não questiona um sistema político e econômico que impõe dívidas e empobrecimento sobre os mais frágeis.

O quê: Exibição do filme 'Interferéncies'
Quando: 12 de fevereiro (quarta-feira), 19h
Onde: Instituto Cervantes de Salvador, Av. Sete de Setembro, 2792, Ladeira da Barra - Salvador-BA
Quanto: Gratuito

Dica de Leitura: Eugênia Grandet

Clique para ampliar
O Dica de Leitura de hoje traz uma das mais famosas novelas de Honoré de Balzac (1799 - 1850), um notável escritor francês, considerado fundador do realismo na literatura moderna pela riqueza e detalhes e escassez de finais felizes em suas obras. Eugênia Grandet conta a história da filha de um dos personagens mais avarentos já vistos na literatura. Os mais distintos rapazes da região disputam a sua mão, mas Eugênia apaixona-se pelo seu primo pobre, desafiando a vontade de seu pai.

Os interessados podem solicitá-lo no Setor de Empréstimo da Biblioteca que funciona de segunda a sexta-feira das 08h30 às 21h, e aos sábados das 08h30 às 12h mediante cadastro prévio. Para se cadastrar é simples: basta ter mais de 13 anos e trazer um comprovante de residência e carteira de identidade. A inscrição deve ser feita no próprio setor.

Mais informações: (71) 3117-6021

Eugênia Grandet - Honoré de Balzac
Patrono do romance ocidental e ao mesmo tempo um extraordinário historiador de costumes, Balzac descreve seus personagens com a precisão e segurança de um cirurgião. Na história de Eugênia - a bela e sensível filha de um negociante extremamente avaro -, há um profundo estudo sobre a solidão e um admirável retrato dos hábitos de província na França da primeira metade do século XIX.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: MAM-BA realiza 4º encontro gratuito sobre fotografia

Quintal -  Foto: André França
O Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA) realiza na próxima quinta-feira, 13, às 19h, a 4ª edição do Em Foco: Fotografia e Arte Contemporânea, que acontece na Sala Walter da Silveira, na Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Barris). O evento é gratuito e aberto aos profissionais e interessados em discutir acerca de temas artísticos contemporâneos que dialoguem com produção fotográfica da Bahia.

O encontro será mediado pela fotógrafa Mariana David e conta com os profissionais André França, Mayra Lins e Alex Oliveira como convidados da mesa de debates. O objetivo do evento é fomentar o diálogo e a reflexão sobre a produção fotográfica na Bahia a partir da troca de experiências e intercâmbios entre profissionais das diversas linguagens da fotografia.

Em Foco é organizado pelo Núcleo de Arte e Educação do MAM-BA, em parceria com o Labfoto (Laboratório de Fotografia da Faculdade de Comunicação) e foi idealizado pelo fotógrafo e professor de Fotografia do MAM-BA, Rafael Martins.

O projeto apresenta para o ano de 2014 um ciclo de encontros com profissionais atuantes no campo da Fotografia, incentivando a reflexão e o diálogo sobre questões presentes na sociedade contemporânea e sua relação com fotografia, a reflexão sobre a produção fotográfica da Bahia, desde o processo criativo até as técnicas necessárias para a sua realização.  As três primeiras edições aconteceram nos meses de setembro e novembro de 2013 e abordaram os Processos Criativos e Técnicas da Fotografia, o Fotojornalismo e a Imagem Documental.

Mariana David
Os Palestrantes

Mariana David é fotógrafa e mestranda em História da Arte Latinoamericana na Universidad Nacional de San Martín (Argentina), na qual pesquisa sobre fotografias de família e fotografia contemporânea. Participou de exposições coletivas no Brasil, como o 9º Paraty em Foco – Festival Internacional de Fotografia (RJ); Circuito das Artes (BA), Perspectiva OlhaVê – Instituto Oi Futuro (MG); Festival  Devercidade – Instituto da Fotografia (CE), Prêmio Itaú Cultural de Artes Visuales (Argentina), Fotograma – Encuentro Internacional de Fotografia (Uruguai) e Documentales y Fotografias de América Latina (Espanha).

Em 2008, realizou sua primeira exposição individual na Galeria Pierre Verger, em Salvador. Em 2009, foi premiada nos Salões de Artes Visuais da Bahia, em Juazeiro. Foi finalista do Prêmio Bridgestone de Arte Emergente e, atualmente, é finalista do Prêmio Itaú Cultural de Artes Visuales, ambos na Argentina. Site: www.marianadavid.com

André França
André França é artista autodidata e mestre em Comunicação e Cultura Contemporâneas. Realiza seus projetos em Salvador e também em outras cidades e países. Desde 2003, seu trabalho tem sido mostrado em exposições individuais e coletivas, como os Salões de Artes Visuais da Bahia (2013), Circuito das Artes (2013, 2012, 2009, 2007), Bienal do Recôncavo (2012, 2010), galeria A Gentil Carioca (Rio de Janeiro, 2009), ICBA/Goethe-Institut (2008), Mercado Cultural América Latina (2005).

Seu trabalho integra coleções particulares no Brasil, Estados Unidos e Áustria e foi publicado em revistas e websites especializados em fotografia contemporânea, tais como 10×15 (Madri, 2011), Lenscratch (Los Angeles, 2011), Dodge & Burn (Nova York, 2011), Urbanautica (Treviso, 2011), Unless You Will (Melbourne, 2011), 591 Photography (Estocolmo, 2012), art photo index (Santa Fe, 2012), Galleray (Nova York, 2012), F-STOP Magazine (Chicago, 2013), OLD (São Paulo, 2013) e Lens Culture (Paris, 2014). Site: www.andrefranca.com/pt

Mayra Lins
Mayra Lins é formada em Psicologia (PUC-SP) e mestranda no Programa de Pós-Graduação e Artes Visuais da Ufba, na linha de pesquisa de Processos Criativos nas Artes Visuais. Exercita o estudo e pesquisa em Poesia, Filosofia e Artes, com criações em diversas linguagens artísticas e atua como diretora de arte e consultora em elaboração de projetos. Criou foto-ilustrações para o livro comemorativo dos 90 anos de Mestre Didi (2008) e foi responsável pela realização de editoriais de moda da Revista Muito (2009 -2010). Participou de edições do Circuito das Artes, Bienal do Recôncavo e Salões de Artes Visuais da Bahia. Sites: www.mayralins.virb.com | www.ex-ato.tk



Alex Oliveira
Alex Oliveira é graduando do curso de Jornalismo na Faculdade de Comunicação da Ufba. Em 2009, trabalhou como monitor no Laboratório de Fotografia da Faculdade de Comunicação (Labfoto), tendo como foco o estudo da técnica fotográfica (cor, luz e composição). Em agosto de 2011, realizou sua primeira exposição individual, intitulada Aurora Descoberta, na Aliança Francesa de Salvador, fazendo um recorte da sua produção diária envolvendo temas como arquitetura, vida íntima e performance. 

Em 2012, ganhou o Prêmio Menção Honrosa nos Salões de Arte Visuais em Jequié, com a obra Cidade Babilônia. Expôs na XI Bienal do Recôncavo, em São Félix, com a obra Cidade Sitiada, um ensaio realizado em fevereiro de 2012. Em janeiro de 2013, realizou a exposição individual Ritos de Passagem no Oliveira’s Bar, no Santo Antônio Além do Carmo, bairro do Centro Histórico de Salvador.

O quê:  Em Foco: Fotografia e Arte Contemporânea #4
Quando: Quinta-feira, 13 de fevereiro, a partir das 19h
Onde: Sala Walter da Silveira, na Biblioteca Pública do Estado da Bahia.
Quanto: Gratuito
Informações: (71) 3117-6141

Dica de Leitura: Manuscritos de Sangue

Clique para ampliar
A Dica de Leitura de hoje da Biblioteca é para aqueles que gostam de suspense, terror, mistério e muito sangue. Do escritor brasileiro Waldick Garrett, nascido em Curitiba-PR, e detentor de diversos prêmios literários, "Manuscritos de Sangue" é uma obra sombria, que traz histórias ricas em enigmas, surpresas, voltas e reviravoltas, vindas dos cantos mais obscuros da imaginação humana. Os interessados podem retirar este e outros livros gratuitamente no Setor de Empréstimos da Instituição, mediante cadastramento prévio.

O Setor de Empréstimo da Biblioteca Pública do Estado da Bahia funciona de segunda a sexta-feira, das 08h30 às 21h, e aos sábados, das 08h30 às 12h. Para fazer o cadastro é simples: basta ter mais de 13 anos e trazer um comprovante de residência e a carteira de identidade. A inscrição deve ser feita no próprio Setor, no andar térreo. Mais informações: (71) 3117-6021.

Manuscritos de Sangue: 13 contos de suspense, mistério e terror - Waldick Garrett

Este novo livro de Waldick Garrett mergulha no lado mais sombrio da espécie humana. Faz um vôo cego pela psiquê de personagens insólitos, raros – e nem sempre os revela completamente. Ainda um jovem aos 32 anos, de onde terá recolhido elementos para seu material? Quais áreas escuras da imaginação terá visitado para se inspirar?

Esqueça o atento narrador do cotidiano, de olho na poesia do banal. Nem pense em cruzar aqui com o contista romântico, com um pé no lirismo. Numa obra tão sombria quanto sensacional, Garrett brinda-nos com histórias ricas em mistérios, surpresas, voltas e reviravoltas – peças de um mosaico que se completará só ao final do livro. É um texto ardiloso, melífluo. Foi tecido pacientemente para nos prender da primeira à ultima página. E consegue isto. Na verdade, um livro perturbador.

Fonte: Waldick Garrett - Site Oficial (http://migre.me/hJlku)

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: Adaptação do auto "Morte e Vida Severina" estreia com apresentações gratuitas

Clique para ampliar
Desde a primeira versão adaptada em 1965, pelo então diretor da Escola de Teatro da USP, Roberto Freire, em conjunto com Chico Buarque, o livro do pernambucano João Cabral de Melo Neto teve diversas montagens no teatro brasileiro. Nessa versão, o diretor Érico José, também pernambucano, prioriza uma conotação coletiva através da criação de coros e de músicas inéditas concebidas pelo compositor Luciano Salvador Bahia exclusivamente para esta montagem, que é mais um espetáculo de formação da Escola de Teatro da UFBA.

Quando: 12 a 16 de fevereiro, de quarta a domingo, às 20h 
Onde: Teatro Martim Gonçalves
Quanto: Gratuito
Fonte: Agenda Cultural - http://migre.me/hJftF

Oficina de Produção Editorial Acessível une Literatura e Acessibilidade Cultural

Imagem ilustração
Será lançada na próxima sexta-feira, 14 de fevereiro, às 15h, na Biblioteca Pública do Estado da Bahia, o projeto Oficinas de Editoração Acessível. Ministrada pela pedagoga Patrícia Silva de Jesus, a oficina irá discutir as diversas formas de preparação de um livro, para que cegos possam usufruir do hábito da leitura. 

A oficina ocorrerá durante os dias 14 e 15 deste mês na sede do Sindicato dos Trabalhadores da Embasa (SINDAE-BA), situado na Rua General Labatut, nos Barris. As inscrições são gratuitas e podem ser efetuadas através do link: http://migre.me/hLdF6

A formação tem carga horária de 20h e destina-se a professoras, atores e atrizes, estudantes de Letras bem como a pessoas que lidem com comunicação, cultura e arte em geral. Serão ofertadas 30 vagas, caso a procura supere esse número, será elaborada uma lista de espera. É necessário acompanhar as aulas com notebook.

A ação é um dos objetivos do Rock Baiano, projeto apoiado pela Prefeitura Municipal de Salvador através dos editais Arte em Toda Parte, e tem produção do escritor Ednilson Sacramento que, ao final das oficinas, lançará o livro Rock Baiano em formato de audiolivro. Ednilson Sacramento é escritor, Bacharel Interdisciplinar em Humanidades com área de concentração em Política e Gestão da Cultura - IHAC/UFBA e atualmente é graduando em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo - FACOM/UFBA, além de fazer parte do Colegiado Setorial de Literatura da Bahia.

O SINDAE está localizado a Rua General Labatu,65, Barris, Salvador. Tel. : 71 - 3111-1700 
Maiores informações: (71) 8880-5513 / 9258-1961 ou no e-mail: oficinadeleituraacessivel@gmail.com

sábado, 8 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: Galeria de Arte RV recebe exposição em homenagem a Cedraz

Clique para ampliar
Galeria de Arte da RV recebe a partir do dia 11 de fevereiro a exposição "Mestres dos Quadrinhos - Uma homenagem a Antonio Cedraz", com trabalhos de grandes artistas. O evento de abertura da exposição será nesta segunda-feira (10), a partir das 19h, na própria galeria, com entrada gratuita. 

O quê: Exposição "Mestres dos Quadrinhos - Uma homenagem a Antonio Cedraz"
Quando: Abertura - 10 de fevereiro; Exposição - 11 de fevereiro a 08 de março.
Onde: RV Cultura e Arte. Rua do Barro Vermelho, nº 32, Rio Vermelho, Salvador-Ba.
Quanto: Gratuito

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Garanta seu cupom de desconto para conferir o espetáculo "O Pequeno Conselheiro da Rainha"

Clique para ampliar
Em parceria com a Vánacontramão Produções a Biblioteca está disponibilizando, para os seus frequentadores, cupons de 50% de desconto e cortesias para as crianças. O espetáculo infanto-juvenil "O Pequeno Conselheiro da Rainha" estará em cartaz até o dia 23 de fevereiro, sempre aos sábados e domingos, às 16h, no Teatro SESC - Casa do Comércio. 

Os cupons são limitados e cada solicitante terá direito a 1 cortesia para criança e 2 cupons de 50% de desconto para adultos. Os interessados devem solicitá-los pelo telefone (71) 3117-6079, ou pelo e-mail viva.bpeb@gmail.com, mas é necessário retirá-los no Viva - Núcleo de Produção Cultural (3º andar), na sede da Biblioteca, situada na Rua General Labatut, nº27, Barris, de segunda a sexta, de 9h às 12h e de 14h às 18h.

O Pequeno Conselheiro da Rainha - O grupo de teatro Vánacontramão apresenta sua nova montagem o espetáculo infanto-juvenil “O Pequeno Conselheiro da Rainha”, livre adaptação do texto de Paulo Sacaldassy.

O espetáculo propõe uma reflexão sobre a necessidade de erradicação do trabalho infantil, além de retratar a importância da vivência integral da infância. Uma boa oportunidade para se conectar com as emoções desta realidade, com uma grande dose de entretenimento e diversão. No elenco estão: Anna Landgraf; André Carsant;  Ewerton Matos;  Márcia Maria Costa; Maria Antônia Bandeira; Mary Jane Ramos; Patrícia Garrido; Políbio Lago, Rafael Jacinto e Reni Mendes. A direção fica por conta de Walter Rozadilla.

Sinopse - Em um reino chamado Lisarb, uma Rainha muito malvada, pensando apenas em aumentar cada vez mais seu luxo e sua riqueza, obriga as famílias do reino a colocarem todas as suas crianças para trabalhar. Mas, nem ela, nem o general, poderiam imaginar que uma das crianças, o menino Leinad, conseguiria fugir do duro trabalho de quebrar pedras e sair em busca de ajuda.

Enquanto o general e seus guardas atrapalhados vão procurar o pequeno Leinad por todos os lugares do reino, o mago Enovi usa seus poderes e magia para revelar os mistérios de Lisarb. Na sua caminhada, o menino encontra uma trupe de artistas que vai lhe ajudar a mostrar a Rainha o quanto ela está enganada ao fazer as crianças do reino trabalhar ao invés de estudar e brincar.

Uma história com muitas aventuras para divertir e emocionar!

Mais informações do espetáculo em: http://migre.me/hKkeS

O quê: O Pequeno Conselheiro da Rainha
Quando: Sábados e domingos até 23 de fevereiro, sempre às 16h
Onde: Teatro SESC - Casa do Comércio
Quanto: R$40,00 (inteira) e R$20,00 (meia)

Setor Infantil da Biblioteca promove oficinas de Carnaval

Clique para ampliar

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: Projeto "LÁLÁ de Verão" realiza evento de artes visuais

Clique para ampliar
Fazendo Arte e Vendendo na Hora! Uma parceria do projeto "LÁLÁ de Verão", coordenado por Luiz Ricardo Dantas, com o Atelier Coletivo VISIO., sob curadoria de May HD, reunirá artistas visuais durante os finais de semana de Fevereiro para produzir e comercializar desenhos, pinturas, gravuras, toyart, etc.

Paralelamente acontecerão Expo de Moda (curadoria de Carol Barreto), performances sonoras (DUO Contact SOUND e 4h20 de Tiago Munch/ Riffs Mário Jr.), e o bar estará aberto com delícias gastronômicas. Entrada franca.

Quando: Sábados e domingos de fevereiro, das 16 às 21h.
Onde: Espaço Multicultural LÁLÁ. 
Quanto: Gratuito.
Fonte: http://migre.me/hKcFE

Biblioteca recebe o grupo Samba quem Bossa

Clique para ampliar
Pra quem gosta de samba, a Biblioteca Pública do Estado da Bahia recebe o grupo Samba Quem Bossa no dia 13/02 (quinta-feira), às 18h30, no Quadrilátero da Instituição, com entrada gratuita.

Passear pelo Recôncavo Baiano, berço do samba, pelas vilas paulistanas e morros cariocas. Esta mistura de "visitas" traduz o som do Samba Quem Bossa. O sexteto resgata a grandeza e a pluralidade do mais brasileiro dos ritmos, ao mesmo tempo em que desenvolve um estilo próprio, resultado de suas singularidades, que vão se mesclando e conferindo ao trabalho uma forma única de interpretar cada canção.

Formado por Gell Claví (voz), Robervan Hohenfeld (violão de 7 cordas) , Marcos Faya (bandolim), Elvio Magalhães (cavaquinho), Márcio Penna (Percussão) e Alexandre Gabriel (Percussão), o Samba Quem Bossa começou em 2011 com muita vontade de "sambar". De lá para cá já passou por grandes redutos do bom e velho samba como Aconchego da Zuzu, Seu Boteco, Clube do Samba, Botequim São Jorge entre tantos outros. O grupo também carrega com orgulho eventos de importância como o Dia das Baianas. Passou pelos teatros Solar Boa Vista, Eva Herz e outros importantes centros culturais baianos. O grupo é reconhecido por onde toca por sua forte característica de montar sempre um repertório rico e movimentado.

O quê: Show do grupo Samba Quem Bossa
Quando: Dia 13 de fevereiro, às 18h30
Onde: Quadrilátero da Biblioteca Pública do Estado da Bahia - Térreo
Quanto: Gratuito

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Dica Cultural: CineFacom comemora aniversário com festa e mostra retrospectiva de Edgard Navarro

Clique para ampliar
O aniversário de um ano do CineFacom - Mostra Audiovisual dos Estudantes da UFBA será comemorado em grande estilo no dia 12 de fevereiro, às 19h, na Faculdade de Comunicação, com entrada gratuita.

A Mostra Especial Edgard Navarro: do Superoito ao Superoutro fará a abertura da noite com a exibição de quatro filmes do cineasta baiano: "O Rei do Cagaço" (1977), "Exposed" (1978), "Lin e Katazan" (1979), e "Superoutro" (1989). A noite segue com um bate-papo descontraído com Edgard Navarro, mediado por José Francisco Serafim, professor-tutor do projeto, projeção de vídeos pelo coletivo KVEM (Coletivo de Vídeo Experimental), Dj Berg Benoni, venda de acarajé e bebidas, dentre outras novidades.

Desde o seu surgimento, o CineFacom já realizou a exibição gratuita de 65 filmes, sendo 51 deles realizados por estudantes da UFBA, movimentando um público de aproximadamente 700 pessoas, dentre as 16 edições realizadas. O projeto conta com o apoio da UFBA, através do edital Proext/ Eventos 2013 e vem se consolidando como um espaço permanente e popular de cinema e audiovisual, bem como de circulação da produção fílmica universitária.

Sobre os filmes:

- O Rei do Cagaço (1977)
Duração: 10 min
Sinopse: O ato de defecar, filmado de forma explícita, introduz a história paródica de um manifestante que descobre a força política das fezes e passe a fazer atentados com cocô.

- Exposed (1978)
Duração: 7´30´´
Sinopse: Fogo, retratos velhos e queimados da vida familiar, cães copulando e figuras de proa da era política da ditadura militar são alternados em jogo de cores fílmicas que alternam passado e presente. O poder armado, viril, fálico. Obra-prima da vertente experimental superoitista.

- Lin e Katazan (1979)
Duração: 5 min
Sinopse: O simplório Lin, operário da construção civil, retira alegria de atividades simples, como o banho. Seu patrão, Katazan, movido por ódio irracional e crescente, passa a persegui-lo no trabalho até o desfecho trágico. Texto do livro Fazenda Modelo, romance de Chico Buarque publicado nos anos 70.

- Superoutro (1989)
Duração: 46 min
Sinopse: Um louco na rua tenta libertar-se da miséria que o assedia e acaba por subverter a própria lei da gravidade.

O quê: CineFacom -  Mostra Especial de Aniversário
Onde: Faculdade de Comunicação da UFBA – Rua Barão de Geremoabo, s/n, Ondina.
Quando: 12/02, às 19h
Quanto: Gratuito
Maiores informações: cinefacom@gmail.com | cinefacom.wordpress.com | facebook.com/cinefacom